Falando disso...

04 de Maio

A entrevistada de hoje é empresária, mãe, esposa e tem luz própria! Apesar de ser filha única do dono da maior indústria de alimentos do Brasil, a Nestlé e esposa do chef e apresentador Edu Guedes, Daniela Zurita Guedes  fundou a sua própria empresa, a DZ Eventos.


Andréa - Daniela, muito obrigada por você ter aceito o convite da coluna Falando Disso…. aqui no blog da Boutique DBb. Você morou vinte anos fora do Brasil e também poderia ter optado por uma carreira junto à empresa da familia, mas decidiu seguir carreira solo? Por que?
Daniela eu trabalho na Agrozurita, mas também queria seguir meu sonho, que era ter uma empresa de eventos. Então cuido dos 2 negocios hoje em dia.

Andréa - Podemos dizer que ser empreendedora faz parte do DNA da familia? O que você herdou do seu pai?
Daniela -  sou muito parecida com ele, na maneira de ser e na personalidade. Foi ótimo ter herdado este DNA!!

Andréa - O que foi essencial para fazer da DZ Eventos uma empresa de sucesso?
Daniela nada se faz sozinha, tenho uma equipe com princípios e todos pensamos da mesma maneira. Todos são essências no bom funcionamento da DZ.

Andréa - Qual a importância das mídias sociais para quem trabalha com eventos?
Daniela muito importante, estou constantemente ligada e atualizada para saber o que está acontecendo no mundo, com nossos concorrentes, e nossos clientes.

Andréa - Quais os planos futuros para a DZ?
Daniela continuar crescendo, atraindo novos clientes e projetos sem perder a nossa essência

Andréa - Daniela, você é mãe da Maria de três anos. Como você dá conta de ser mãe, esposa e empresária?
Daniela faz parte da vida da mulher moderna, vários papéis. Me divido bastante, mas sempre consigo tempo.

Andréa - Quais os programas mais interessantes aqui em São Paulo para levar uma criança?
Daniela -  Cinema, teatrinho, mas gostamos mesmo de sair da cidade nos finais de semana
  
Andréa - Quando o assunto é moda para bebês e crianças, o que você prioriza na escolha das roupas da Maria?
Daniela -  adoro ela bem vestida, mas priorizo sempre conforto e qualidade!!

Andréa - Daniela, temos por costume pedir para os nossos entrevistados compartilhar uma dica ou conselho que receberam direcionado à criação dos filhos. Você tem algum que considera bacana?
Daniela disciplina sempre!!!

Daniela, foi um prazer ter você aqui! Obrigada.

 Beijossss 


25 de Abril
Entrevista: Suzy Rêgo


Olá Pessoal!!!! Hoje vou conversar com a atriz Suzy Rêgo, mãe dos gêmeos Massimo e Marco de 2 anos e 9 meses. Ela foi a Duda de Morde & Assopra. Agora está mais magra e super estilosa  interpretando a Jáqui de Amor Eterno Amor.

Suzy e Fernando
Andréa - Suzy, a pergunta que não quer calar é o que você fez para emagrecer rs?
Suzy - Desde novembro de 2011 faço o programa do Vigilantes do Peso...e como de tudo, mas pouco, faço várias refeições por dia, nenhuma privação (nenhuma mesmo) e readiquiri hábitos saudáveis: atividade física frequente, comer devagar, escolher melhor os alimentos, priorizar frutas, levar sempre um kit "aliado" na bolsa: banana, maçã, pera, tomate, cenoura, pepino...enfim, um novo e permanente melhor estilo de vida!
Andréa - Você é e sempre foi uma mulher muito bonita. Como foi lidar com os quilinhos a mais, já que vivemos numa sociedade que valoriza a mulher magra?
Suzy - A questão do sobrepeso que mais me incomodou foi o sobrepeso em si e tudo que dele advém: preguiça, dores musculares, desânimo, queda na auto estima, desconforto, exageros, etc.
Andréa - Você sentiu algum tipo de preconceito?
Suzy - Sim, muitas pessoas ficam penalizadas e decepcionadas e tendem a imaginar que algo "maior" aconteceu com quem aumentou muito de peso, um grande trauma, um problema, um baque...e algumas pessoas mudam o tratamento com a pessoa pesada...têm pena! Nunca mereci pena, engordei porque fui relapsa e desleixada, simples assim!
Andréa - Seu cabelo sempre foi uma de suas marcas registradas. Agora você está com um novo corte, lindo e super moderno. Estranhou?
Suzy - Curioso...fiz as duas primeiras novelas com cabelos longos e à partir daí mudei muitas vezes o corte e os comprimentos, menos a cor. Amo cabelos curtos, mas estranho muito a cor...mas como sempre digo: "Quando eu estiver bem magra e belíssima, ficarei super loira, só calçarei tamancos e cumprimentarei pouquíssimas pessoas." 
Andréa - Rs....Agora vamos falar um pouquinho com a Suzy mãe, mãe de gêmeos! Que tipo de mãe você é?
Suzy - Exemplar! (Já notou que sou a presidente do meu fã clube??? rs rs rs). Sou excelente mãe: sou animada e presente, sou atenta e amorosa, sou rígida e incentivadora, sou simples e exigente, sou destemida e faceira...mas tudo isso só funciona por causa do paizão deles, Fernando Vieira!!! Eu ganhei na Megasena da família, eles são prêmios. Os 3!
Marco

Massimo
Andréa - Os meninos estão naquela idade que querem ver tudo, mexer, andar. Precisa de muita energia né?
Suzy - Super mega power energia. Eles frequentam a escola desde 1 ano e meio de idade e neste ano estão das 7 às 19h. Amam. Têm aulas de horta, capoeira, natação, leitura, inglês, música, teatro, brinquedoteca, computação, parque, artes plásticas, massagem, além das curriculares para a idade deles! Ufa! No final de semana...atividades com papai e mamãe...e haja atividades!!!
Andréa - Como você faz para conciliar marido, filhos, trabalho, cuidados com o corpo?
Suzy - Com o Vigilantes do Peso reaprendi também a me planejar: fazemos compras semanais para abastecer a casa, treino com o Cal, meu treinador pessoal 3 vezes por semana e nos demais dias ele deixa o treino pronto, frequento a reunião dos Vigilantes semanalmente(é uma palestra animadora e divertida de meia hora) e mantenho meu blog www.deolhonasuzy.com.br e as redes sociais atualizadas com entusiasmo alegria...sou super objetiva...posso repetir? Só funciona porque existe FERNANDO VIEIRA em minha vida...ele faz tudo para me ajudar e ainda cozinha divinamente!!!
Andréa - E você tem planos de aumentar a familia?
Suzy - Tenho sonhos!
Andréa - Suzy, pra finalizar compartilha um conselho, uma dica que você recebeu e se mostrou muito útil na criação dos filhos.
Suzy - Use as técnicas da Jo Frost, Supernanny! Perfeitas! Ela aplica amor!
Andréa - Suzy, adorei nossa conversa!!!!!! Foi um prazer ter você aqui no blog da DBb!!!!
Meninas, até semana que vem! Beijos
Bjs




10 de Abril

Olá, meninas,
Hoje vamos conversar um pouco com a Fernanda Massa. Sócia da Villa Hype, irmã do piloto Felipe Massa e futura mamãe.

Fernanda Massa com os pais, Ana Elena Massa e  Luiz Antonio Massa

Andréa - Olá Fernanda, tudo bem? Conta prá gente um pouco da emoção de estar esperando o primeiro filho.
Fernanda -Olá a todos, adoro o blog da DBB e sempre salvo no meu computador os posts que são muito interessantes para uma mãe de primeira viagem como eu. 
Estou muito feliz com a minha gravidez, ela foi super planejada e estou achando muito diferente o crescimento da barriga, que cresce a cada dia e me divirto com a Manu mexendo. Todos da minha família estão super corujas e está sendo um momentinho muito especial da minha vida. 

Fefe Massa esperando a Manu
Andréa - O que você prioriza na hora de fazer o enxoval?
Fernanda - Eu priorizei as roupinhas mais confortáveis de algodão,  que todo mundo me aconselhou que é a melhor coisa para o bebê se sentir bem. 
Um item que me falaram que é muito importante são as fraldinhas de boca, quanto mais você tiver, melhor 
Já comprei tudo que precisa do básicão como mamadeira, babá eletrônica, roupinhas do dia a dia, carrinho e etc.
 Agora vou focar nas roupinhas de maternidade.

Andréa - Como você está se preparando para receber seu bebê?
Fernanda - Meu médico não me deixou ler nenhum livro, a única coisa que leio é um app do ipad que se chama baby center, super básicão mas acho bem interessante.
Leio alguns blogs como o da dbb, o askmi e o da constance babies e continuo com minha vidinha normal, porque acho que a melhor coisa é estarmos com a cabeça ocupada.

Andréa - Fernanda, quais os cuidados que você tem com o corpo, alimentação?
Fernanda -  No corpo estou usando um creme manipulado que a minha dermatologista indicou  que alterno com o mustela. Faço Pilates, musculação, esteira, transport, hidroginástica de vez em quando e sempre que dá caminho com meu marido. 
Faço drenagem linfática uma vez por semana. Uso muito protetor solar no rosto, fator 90. E quanto a alimentação, priorizo o arroz integral e tento evitar os doces durante a semana, mas está muito dificil, porque sonho com brigadeiro, chocolate e tudo que é doce. Estou comendo muita fruta também, porque gosto bem mais de frutas do que verduras. Outra coisa importante é comer de 3 em 3 horas.

Fe Massa com o Maridão Rodrigo




Andréa - Fernanda, agora vamos falar um pouquinho sobre a sua vida profissional! Conta prá gente o que é a Villa Hype.
Fernanda - A Villa Hype é uma marca de roupas para mulheres jovens e elegantes. Montei a Villa Hype com uma amiga de infância, Carolina Xavier, em 2010, a loja fica no itaim, pertinho da DBB, na rua Dr. alceu de Campos Rodrigues, 419

Andréa - E como surgiu a marca?
Fernanda - Foi uma ideia que surgiu em 2004, mas saiu do papel só em 2010. Eu sempre trabalhei na área da moda, atendendo as contas da Track&Field, ABIT  e Guaraná Brasil, entre outras. Trabalhei tambem no marketing de uma marca de moda praia e a Carol ( minha sócia) sempre acompanhou a mãe dela, que tem uma confecção. Acabamos montando a Villa Hype que é a nossa paixão.



Andréa - O que será destaque para o inverno?
Fernanda - O destaque desse inverno são as peças com aplicações em dourado e grafite e os vestidinhos de renda.

Andréa - Fernanda é nosso costume pedir para o entrevistado compartilhar com a gente um conselho, uma dica que recebeu. O que é marcante prá você?

Fernanda - O Maior conselho que recebi para uma gravidez saudável, foi caminhar todo dia durante 40 minutos, comer de três em três horas, sempre que tiver um tempinho deitar do lado esquerdo e curtir muito a gravidez porque é um momento de muita paz e muito amor.

Andrea - Fe, muito obrigada por aceitar conversar com a gente, foi uma delicia o nosso papo! Dá pra sentir a sua alegria, Parabéns pela Manu!
Quando quiser falar mais alguma coisa é só nos procurar..

Beijao a todas, espero que tenham gostado!21 de março
Entrevista de número sete: Helô Pinheiro









Olá pessoal! A entrevistada de hoje é linda, modelo, apresentadora, empresária, mãe de 4 filhos e avó de 3 netas. Estou falando da eterna "Garota de Ipanema", Helô Pinheiro.

 Andréa - Neste ano faz 50 anos que a música Garota de Ipanema foi composta. Como é ser nossa eterna musa?
Helô - Ser musa foi um acontecimento marcante em minha vida, mas eterna será a música e a história!

Andréa - O que você faz para continuar tão bonita?
Helô - Obrigada querida, mas acho que a beleza só é completa quando há um sentimento maior em relação ao seu semelhante. Assim é a beleza espiritual. Já a beleza física vem da genética ou da dedicação à ginástica, que é uma boa aliada para termos saúde e mantermos a forma.


 Andréa - Você é mãe de quatro filhos. Como é a Helô mãe?
Helô - É ternura, dedicação e amor eterno! Sou a mãe que sofre, que torce e que se alegra em relação aos feitos dos filhos.

Andréa - Quais as melhores lembranças que você tem do tempo em que eles eram crianças?
Helô - Ah! Os primeiros passos sempre sob minha proteção! Lembro que cada tombo era uma dor no coração.

Andréa - Muitos dizem que avó é mãe com açúcar, mãe duas vezes. Você concorda com isso? Como é a Helô avó?
Helô - Não deixo de ajudar minhas filhas na educação, mas faço mais as vontades! 

Andréa - Vi sua coleção de biquinis no site www.garotadeipanema.com.br e está lindissíma! Os modelos são de muito bom gosto. Qual sua participação na confecção?
Helô - No Rio de Janeiro sou sócia da Ana Simões na loja "Garota de Ipanema", que fica em Ipanema, mas devido à vida atribulada, não tenho realmente tempo de participar na confecção. Já com a "Helô Pinheiros by Amarras" em São Paulo eu tenho mais liberdade em dar palpites e ajudar na criação da estilista Andréa Schostak. 

Andréa - E quais os seus planos e projetos para esse ano?
Helô - Este ano Andréa está sendo iluminado prá mim profissionalmente!!!! Prá começar em abril estréia o programa "Ser Mulher" pela FOX onde apresento com minha filha Ticiane. Já no sábado,  07 de abril, às 10:00hs estréia na Band o programa "De Cara Com a Maturidade". As novidades não param por ai! Ainda não tenho data fixada, mas vou lançar o meu livro "Garota de Ipanema" em português e inglês.


Andréa - Helô, muito obrigada por ter aceito participar da minha coluna aqui no blog da Boutique DBb!
Helô - Eu que agradeço de coração o seu interesse e deixo a todos que acessam o blog um beijo do tamanho Rio/ São Paulo, com carinho da Helô Pinheiro!

Um beijo pessoal!!!! Até a próxima.

 

 14 de março
Sexta entrevista: Gui Inácio







Oi pessoal! Em primeiro lugar quero agradecer a todos que acessaram a coluna "Falando Disso...." aqui no blog da DBb. Toda equipe está muito contente por saber que estamos no caminho certo! A cada dia temos assuntos diferentes, por isso acessem, comentem, sugiram matérias, façam perguntas. Essa troca de informação é muito bacana viu?

Meu entrevistado de hoje é LINDO, um colírio para os olhos!!!! Além disso, é um cara batalhador, gentil, simpático e muito atencioso! O nome dele é Guilherme Siqueira Inácio, mais conhecido como Gui Inácio. Ele nasceu no Brasil, mas começou a carreira no mercado americano e desde março passado apresenta o TNT Movie Club*, onde convida os espectadores da TNT para assistirem aos novos filmes.


Andréa - Gui, dia 05 de março fez um ano que você está à frente do TNT Movie Club. O que mudou na sua vida nesse período?
Gui Inácio - No pessoal sinto que não mudou muito, mas na carreira sim. A exposição me abriu portas para outros trabalhos, me deu abertura para compartilhar minha história com um maior numero de pessoas, e sem duvida me preparou e esta preparando para novos obstáculos e projetos.

 Andréa - Li que você se mudou para os Estados Unidos com apenas 13 anos. Como foi o período de adaptação?
Gui Inácio - Inicialmente foi pura adrenalina pois conhecia os Estados Unidos através de viagens à Disney. Mas morar e viver no inicio foi tenso e bem difícil. Não dominava o Inglês e sentia muita falta do Brasil. Acho que durou pelo menos 6 meses, se não mais, para verdadeiramente me adaptar, mas como eu ia ao Brasil de férias, essas viagens faziam com que o incômodo voltasse. Demorou para eu criar vínculos verdadeiros, mas logo que os criei, não sentia mais aquela vontade de estar no Brasil.

Andréa - Como você se tornou modelo?
Gui Inácio - Foi bem do nada na verdade, a namorada de um amigo do meu irmão mais velho, olhava pra mim e dizia: "Você é muito bonitinho... quero te levar na minha agência porque acho que você poderia trabalhar como modelo."
Eu era novinho mas já um pouco sem vergonha, então curti a ideia e fui com ela. Ali tudo começou... E digo um pouco sem vergonha pois depois de ver um vídeo de criança, muita coisa foi confirmada para mim. Estava realmente na carreira certa =) !!!!! http://www.youtube.com/watch?v=5NfaoUn6HXo

Andréa - De modelo a ator....como foi a transição?
Gui Inácio - Trabalhar como modelo não me preenchia, então primeiro comecei a fazer testes para comerciais... Ali eu podia explorar mais minha personalidade e quando comecei a receber um feedback positivo senti que precisava dominar e ter maior controle sobre essa personalidade múltipla. A transição não foi nada fácil pois eu não sabia a verdade sobre atuação. Como muitos, achava que era só decorar um texto e pronto. A transição foi incrivelmente difícil e agradeço a ela pois cresci muito como pessoa. Para dominar e ter controle de suas emoções e sentimentos você precisa ir fundo dentro de si. Os lugares mais escuros que muitos não tem coragem de ir e por essa razão acabam vivendo vidas como fantoches da sociedade. Hoje com o conhecimento que adquiri, respeito muito a carreira e todos aqueles que se dedicam verdadeiramente a ela.

 Andréa - Você sofreu algum preconceito por ser brasileiro?
Gui Inácio - Não sofri preconceito por ser brasileiro, sofri por ser um imigrante em geral. Mas depois do preconceito inicial, ao saber que era brasileiro, as pessoas, ou melhor, as meninas, aliviavam um pouco.....rs! Já com os moleques do colégio a coisa era pior... a realidade é muito parecida àquelas que vemos nos filmes americanos. Eles pegam pesado, o bullying é real. Hoje olho para traz e dou risada.....mas foi uma época bem tensa também.

 Andréa - E como tem sido a relação com as fãs, principalmente após uma certa coreografia rs (Gui Inácio arrasou dançando a música "Ai Se Eu Te Pego" de Michel Teló no You Tube - o vídeo já teve aproximadamente 45.000 acessos!!!)?
Gui Inácio - Eu agradeço diariamente o carinho de todas e todos. Sim todos, pois também tenho uma torcida colorida bem forte. Respeito a opção sexual de todos e não discrimino carinho e admiração. Tem umas que passam do limite, como tem uns que também passam, mas lido com isso da maneira mais positiva e respeitosa que posso.

Andréa - Qual a diferença das fãs americanas para as brasileiras?
Gui Inácio - Não posso dizer que tenho fãs propriamente ditas nos Estados Unidos, pois minha exposição está direcionada ao Brasil, então digo que elas gostam de mim como pessoa, por me conhecerem ou terem ouvido falar de mim... Já no Brasil, sinto ter de todos os tipos. As que nem sabem o que eu faço e curtem, outras curtem o que tenho a dizer, outras o meu trabalho, mas acho que a maioria curte mesmo as fotos.....rs!!!!

 Andréa - Gui, nosso blog é lido por muitas mães e algumas tem o sonho de ver o filho na carreira de modelo, ator, apresentador. Apesar de não ser pai, que conselho você pode dar pra elas?
Gui Inácio - Deixar fluir naturalmente e acreditar que se for para ser, será! E com todo respeito À sua pergunta aí está o grande problema hoje em dia: "algumas tem o sonho de ver o filho na carreira"... O sonho não pode ser delas, tem que ser das próprias crianças. E se assim o for, ai sim, com certeza apoiar, mostrar ambos os lados da carreira e principalmente não iludir como muitas mães fazem. Iludindo suas próprias crianças elas farão com que a frustração que vem com a carreira e as variáveis que não estão no nosso controle pese muito mais do que deveria.
  
Andréa - Quais são suas próximas metas?
Gui Inácio - Cinema. Cinema, Cinema. =)

Andréa - Gui, muito obrigada!!!!! Adorei a entrevista. Que Deus te abençoe e te proteja nessa carreira de sucesso!
Gui Inácio - Eu que agradeço o interesse e abertura do blog para que eu possa contar um pouco mais da minha história. Eu achei as perguntas ótimas, elas não só me inspiraram mas também me levaram em uma viagem no tempo.


*O programa TNT Movie Club é exibido às terças-feiras, à partir das 22h.


Agradecimento especial à Soraia Santiago!


12 de março













A entrevista de hoje é radical.....rs! Vou conversar com o Carlos Henrique Aguiar, mais conhecido como Cacá. Ele mora em Fortaleza, trabalha numa multinacional, é pai do Kevin (12 anos) e do Thales (10 anos) e é surdo. Ele simplesmente adora o mar, por isso nos momentos de folga, quando tem vento, ele pratica o Kitesurf.

Foto: Fernando Braga

Andréa - Cacá conta prá gente o que é o kitesurf?
Cacá - Andréa, o kitesurf é um esporte onde se usa uma prancha, trapézio (na cintura) e pipa com linha presa ao trapézio, essa pipa é puxada pelo vento. As pipas podem ser de diferentes tamanhos, vai depender do tipo físico da pessoa, peso, etc.

Andréa - E desde quando você pratica esse esporte?
Cacá - Pratico faz seis anos e meio, comecei em 2006. Pratiquei bodyboard por 15 anos e depois resolvi fazer kite, porque amo o mar.

Andréa - Qual o melhor período do ano para se praticar o kite?
Cacá - No Ceará o melhor período é de junho a dezembro, quando tem ventos fortes.

Andréa - As manobras são iguais às do surf?
Cacá - No kitesurf temos dois tipos de prancha, uma para Freestyle (bidirecional) e outra para Wave (esta prancha é semelhante à prancha de surf). Quando se usa a prancha de Wave as manobras são semelhantes ao do surf.
Foto: Fernando Braga

Andréa - Além do kitesurf você pratica algum outro tipo de exercício?
Cacá - Sim, faço musculação e corrida para preparar a parte aeróbica.

Andréa - A partir de que idade a pessoa pode começar a treinar?
Cacá - Já vi crianças com 10 anos velejando, vai depender de cada pessoa e se ela tem segurança com o mar.

Andréa - Você vai ensinar o kite para os seus filhos?
Cacá- Sim, quero ensinar, mas vai depender do interesse deles rs!

Andréa - Que dicas você dá prá quem quer começar a treinar?
Cacá - O primeiro passo é fazer o curso, com profissional qualificado. Também tem a parte teórica, onde se explica toda a parte de segurança do kitesurfistas e dos banhistas, a importância do uso do capacete e colete, condições de vento, dentre outras coisas. Somente depois do curso se deve comprar o equipamento, que deve ser adequado geralmente ao peso e altura do velejador. Jamais se deve comprar equipamento sem passar por curso com instrutor de kite.


Andréa - Cacá, muito obrigada pela entrevista! Pode ter certeza que a partir de agora, quando estivermos na praia e olharmos o pessoal praticando kite vamos nos lembrar de você e das suas dicas viu?

Foto: Fernando Braga

Pessoal, eu quero aproveitar esse espaço e a conversa que tive com o Cacá para esclarecer que é um mito acreditar que o surdo também é mudo. São deficiências distintas que não possuem associação entre si. Os surdos possuem total capacidade de falar, porém por não escutarem muitos não desenvolvem a fala, mas emitem sons vocais normalmente Além disso, os surdos se comunicam através de LIBRAS (Língua Brasileira de Sinais). Essa é a linguagem materna deles, tanto que a Legislação Brasileira reconhece a LIBRAS como língua oficial do país (Lei 10436/2002), juntamente com o Português.
Na composição da LIBRAS um fator importante é expressão corporal e facial. Cada país apresenta sua respectiva língua de sinais.

No caso do Cacá, ele se comunica 95 % em libras e apenas 5% através de leitura labial.


Hoje a gente fica por aqui! Continuem comentando as entrevistas e divulgando o blog para os amigos.... estamos adorando!

Um beijo,


Andréa

_________________________________________________________________
08 de março

Quarta entrevista: Patricia Braga Higa

08 de Março, Dia Internacional da Mulher. Para comemorar esse dia escolhemos entrevistar uma de nossas leitoras, alguém que pudesse representar as mulheres que são esposas, mães, profissionais e mesmo assim não perdem a beleza e a ternura.









A entrevistada de hoje é um exemplo de mulher moderna. Executiva de uma multinacional, viajada e super antenada, Patricia Braga Higa é a mãe do Henrique, carinhosamente chamado de "Rico", de quase três meses!
Andréa - Patricia, quais as primeiras mudanças físicas e emocionais que você sentiu quando soube que esperava um bebê?
Patricia - Foi uma mistura de tudo! Fui tomada por uma sensação que até hoje não consegui explicar direito... um medinho junto com muita, muita alegria, me senti abençoada; Até o 5o. mês tive muito enjôo e controlava comendo muita maçã! Como eu comi maçã! Fiquei também  bastante emotiva e sensível. Chorei mais do que o normal ... o apoio e a compreensão do meu marido foram essenciais.


Andréa - Como você se preparou para receber o Rico?
Patricia - A gravidez foi super  planejada. Eu e meu marido Eduardo decidimos começar a tentar em janeiro de 2011, conversamos bastante sobre os planos para esse bebê que chegaria. Durante 7 anos fiz Yoga mas parei assim que soube que estava grávida porque meus enjôos eram violentos. Coloquei em prática os exercícios de respiração que aprendi na Yoga, fiz  acupuntura durante os 9 meses, o que me ajudou muito a levar com disposição e tranquilidade minha  gravidez . Li bastante também sobre o que estava por vir e cuidei bastante da minha alimentação. Fiz drenagem linfática e precisei usar meias de compressão porque ficava muito tempo sentada no escritório. Foi ótimo!
Andréa - Você pode indicar algum livro ou blog que te deu dicas bacanas?
Patricia - O primeiro livro que Edu (meu marido) e eu compramos foi : " O que esperar quando você está esperando" - Murkoff, Eisenberg e Hathaway. Ele explica bem o que acontece com o bebê e com a mamãe semana a semana durante a gestação. O site "Baby Center" também é excepcional... você cadastra seu email e pode também cadastrar o email do papai e  recebe informações toda semana, explicando direitinho quais as  possíveis mudanças emocionais e físicas  na mamãe, o papel do papai nesse momento e as fases do bebê. Dá dicas de alimentação também.
Entrei pro mundo da blogsfera há uns 2 anos. Tem muita coisa boa internet  que pode ajudar nós mamães e futuras mamães.  Acessava e continuo acessando alguns blogs religiosamente... dicas preciosas que me ajudaram bastante: entre os que mais curto estão os blogs "Minhas dikas", "Ask mi", "Amice per Amice" e "Nasce uma mãe".  Agora mais recentemente estou curtindo o "Blog Boutique DBb" e o site da Denise Gurgel com dicas maravilhosas sobre a Shantala, virei fã !
Agora vou começar a ler " Quem ama Educa" do escritor Içami Tiba e "A maternidade e o encontro com sua sombra" de Laura Gutman  .. leituras super indicadas!

Andréa - E como foi fazer o enxoval do primeiro filho?
Patricia - Amei.  Fiz o enxoval em Miami, valeu super a pena. Os preços lá fora são imbatíveis; Sou bastante perfeccionista e me dedico bastante a tudo que faço, aqui não foi diferente.  Tive a sorte de ter amigas maravilhosas que ficaram grávidas um pouco antes de mim. Conversar com elas a respeito foi importante. Nos blogs que mencionei, encontrei algumas listas prontas, com dicas incríveis e que me ajudaram nas quantidades e tipos de roupinha. Dividi a lista das roupinhas por estação do ano, partindo da data estimada do nascimento do meu bebê;  Com as fraldas foi a mesma coisa... até pesquisei quais fraldas eram melhores para meninos... foi ótimo, aprendi muita coisa!
Andréa - Você é executiva de uma multinacional. Como foi sua preparação para ficar ausente da empresa durante seis meses?
Patricia - Trabalhei demais durante minha gravidez, confesso. Além do que, um pouco antes de engravidar fui convidada a assumir a  supervisão de mais uma área. Tive que balancear a vida pessoal com a profissional. Trabalhei focada em resolver os problemas mais críticos para que a pessoa que me substituisse não ficasse com tantas pendências. Saí com a consciência bastante tranquila, com a sensação de missão cumprida.

Andréa - Você teve alguma preparação para o parto?
Patricia - Se tem uma dica que quero deixar pras futuras mamães é: exercício de respiração!!! Além de aliviar os desconfortos, acalma e tranquiliza a mamãe em momentos de maior ansiedade e nervosismo . Outra dica importante é o curso de pais que as maternidades oferecem. Fiz e foi excelente! Entrar em contato com o que está por vir, te ajuda a diminuir a apreensão, portanto fui atrás de informação. Li bastante sobre amamentação porque queria amamentar meu bebê e escolhi também uma excelente maternidade, o que me tranquilizou bastante. 

Andréa - Em alguns casos a prática é muito diferente da teoria. É assim também como um bebê?
Patricia - O cansaço do primeiro mês é algo que não está escrito em lugar nenhum! É muito cansaço mesmo por conta dos horários das mamadas do bebê.  Ouvi isso durante os 9 meses de gravidez: "Seu sono nunca será o mesmo", mas só entendi quando me vi na situação (risos).
Andréa - Defina prá gente o que é ser mãe.
Patricia - Fui promovida ao cargo mais importante da minha vida : o  de ser mãe. Nada vai superar isso. Me sinto abençoada todos os dias... olho pro meu filho e mal acredito que essa vidinha linda saiu de dentro de mim!!! Não há como explicar em palavras... só vivendo para saber o que é... mas que é algo poderoso, certamente é. Ser mãe completou ainda mais minha vida. O que já era bom, agora ficou ainda melhor!

Andréa - Patricia, foi muito bom ter você aqui com a gente, nesse dia tão especial para nós, mulheres!

Patricia - Amei a oportunidade! Estou feliz de fazer parte deste projeto!

Andréa - Prá encerrar quero dedicar à todas as mulheres uma frase que li hoje: "Mulheres são como a Lua com suas fases; às vezes ficam escondidas, mas nunca perdem seu brilho encantador."










Um beijo especial prá cada mulher que passar hoje por aqui.

Andréa 




Terceira entrevista: Fábio Arruda











Hoje vamos conversar com Fábio Arruda, consultor de etiqueta, comportamento, decoração e moda. Vamos saber como lidar com algumas situações envolvendo bebês e crianças: 

Andrea: Fábio, criança é motivo de alegria para os pais, mas existem situações onde é necessário ter traquejo para lidar com parentes, amigos, conhecidos e até mesmo com outras crianças. Por isso quero começar com o nascimento: Quem pode visitar o recém-nascido na maternidade?
Fábio: A visita na maternidade é apenas para os muito próximos e 15 a 20 minutos de duração é perfeito. Ou até menos.  
Andrea: Que dica, ou dicas, você dá para aqueles que irão visitar o bebê quando ele estiver em casa?
Fábio: Visitas em casa, atualmente, tem ocorrido após alguns meses, mas tenha certeza que a a mãe está recebendo com prazer. 
Andrea: Vamos falar agora de situações onde a criança está maior. O que é interessante observar num programa com amigos e os respectivos filhos para que não surja uma "saia justa"?
Fábio: Elas podem se desentender, brigar e adultos devem apenas orientar, sem tomar partidos ou dar broncas gigantes. Educar sem escândalo ou show

Andrea: Uma situação que considero constrangedora é quando a visita tem uma criança que não respeita os limites. O que fazer nessa hora para não ser indelicado e não perder o amigo?
Fábio: Diga o necessário, evitando criticas pesadas. Nunca repreenda o filho dos outros, se não for MUITO intimo.
Andrea: Existe alguma situação onde é melhor deixar a criança em casa?
Fábio: Muitas. Quem melhor pode avaliar seus pequenos são os pais. Pois exitem crianças que os pais educaram e se comportam divinamente. Outras os pais permitem tudo. Por isso ressalto: não existe criança mal educada, existem pais acomodados. 

 
Fábio, adorei. Obrigada!!!!
Mais informações podem ser obtidas nos livros "Etiqueta Não Tira Férias",  "Sempre, às vezes, nunca", "Eficiente & Elegante", "Faça a Festa e Saiba o Porquê" e "Chique & Útil" e no site www.fabioarruda.com.br .

Divulgaçao

Divulgaçao



Segunda entrevista: Monica Tagliapietra

 A entrevistada de hoje é Mônica Tagliapietra, mãe de um filho (Lucas) e produtora de moda da Revista Cláudia Bebê. Com ela vamos saber um pouco mais sobre essa profissão que desperta interesse e fascínio e ao mesmo tempo exige do profissional feeling e muita paciência.

Andréa) Mônica, é um prazer tê-la conosco na semana de estréia da coluna "Falando Disso...". Você pode contar um pouco sobre o seu trabalho?
Mônica) Minha profissão de formação é economista. Mas, depois que descobri a área de produção, me apaixonei e mudei de área. É sempre um desafio novo a cada dia. Você tem que fazer pesquisa, estar sempre antenada com as tendências e, o mais difícil as vezes, é você achar/realizar o ideal de alguém. O que quero dizer, é que um editor ou diretor idealiza uma pauta e/ou foto e você tem que buscar realizar aquilo que ele está imaginando...


Andréa) E como é o dia a dia de uma produtora de moda?
Mônica) Muita pesquisa, estar sempre antenada e muita adrenalina....rs!


Andréa) O que é necessário saber para ser um bom produtor de moda?
Mônica) Estudar, ler muito, pesquisar, não ter preguiça e "usar salto baixo".


Andréa) Rs....Quando e como o universo infantil surgiu na sua vida?
Mônica) Uma grande amiga, Ulrica D'Orey, recebeu a tarefa de cuidar da revista e me convidou para ajudá-la. Fiquei mega feliz, porque era um sonho antigo. Havia feito algumas coisas de publicidade e sempre gostei da Claudia Bebê. Acho uma revista completa, fofa e uma delicia de fazer.

Andréa) Como disse no inicio, a profissão normalmente exige paciência, crianças também. Como é o trabalho com elas?
Mônica) Costumo dizer que eles são prioridade máxima. Procuro sempre cuidar do bem estar deles. A Claudia Bebê trabalha com crianças muito pequenas. De bebês à 2 anos. Temos que fazer as coisas no tempo deles, estimulá-los a fazerem o que nós queremos captar nas imagens. Mas tem o lado puro, natural, sem ego, que me encanta.


Andréa) Em janeiro passado tivemos o lançamento da coleção inverno 2012. Você pode apontar algumas tendências para os pequenos?
Mônica) Inverno é sempre mais elegante, mesmo para as crianças. As marcas fizeram coisas muito fofas, meio retrô, com carinha de tricot da vovó...muito cachecol, protetor de orelha, polainas, meia-calça...as meninas sempre se dão melhor.....rs!


Andréa) O que não deve faltar na mala da maternidade?
Mônica) Fraldas descartáveis, três ou quatro trocas de roupa, mantinha.


Andréa) E para os maiorzinhos, o que tem de mais bacana?
Mônica) Para os maiores, a tendência é a mesma, porém, existe mais variedade, já que as muitas marcas fazem apenas pra crianças a partir dos 4 anos. Uma pena, porque as mamães antenadas gostam de vestir as crianças, mesmo que menores, na moda.


Monica e seu filho Lucas

 Mônica, adorei a entrevista! Muito obrigada. Agora vamos aguardar a próxima Revista Cláudia Bebê para acompanhar de perto suas produções.

Beijo



Primeira entrevista: Giovanna Antonelli 

É com muita alegria que estreio aqui no blog da Boutique DBb com a coluna "Falando Disso...". E o começo não poderia ser melhor, já que a entrevistada de hoje é carioca, atriz e mãe de três filhos (Pietro, Sofia e Antonia). Estamos falando de Giovanna Antonelli, a Cláudia da novela Aquele Beijo.



Andrea: Giovanna, o que mudou na sua vida quando soube que seria mãe de mais dois bebês?







Giovanna: Só a alegria, que foi em dobro!

 Andrea: Quando o assuntos é moda para os seus pequenos o que você prioriza?
Giovanna: Roupas confortáveis, tecidos leves pro verão, e tudo que tenha charme e estilo. Nessa linha.

Andrea: Apesar de gêmeos, os filhos tem personalidades diferentes. Por isso quero saber como você escolhe as roupas da Sofia e da Antônia?
Giovanna: São duas pessoas completamente diferentes. E já começaram a ter vontades. Como sempre visto com roupas diferentes, cada uma já tem o que mais combina com seus jeitos.

Andrea: O que muda no seu dia a dia quando você tem gravação da novela?
Giovanna: Nada. A rotina das crianças é intocável.

Andrea: Quais os seus planos para quando terminar a novela?
Giovanna: FÉRIAS

Divulgação                











"Falando disso" é um cantinho onde vamos matar um pouco nossa curiosidade.
A cada semana vamos entrevistar uma pessoa com uma história bacana, seja uma mae, uma avó, titias e madrinhas, uma celebridade, um empresário ou alguém que possa nos dar uma boa dica.
Meu nome é Andrea Bulbarelli sou gerente comercial da empresa "Mariah Pimenta", Assessora de imprensa da Boutique dBb e xereta de plantão. Nao tenho filhos, mas sou apaixonada pelo meus três sobrinhos: Victor, Bruna e Giulia...O universo infantil me  fascina!
Volto com uma entrevista bem bacana na semana que vem...


Beijos e me aguardem!



31 comentários:

  1. Tenho certeza que vai ser otimo. Muito sucesso para voce.

    ResponderExcluir
  2. Sucessooooo! Rafa Scapucim

    ResponderExcluir
  3. Parabéns ! que seja o início de um grande sucesso!!!! beijos
    Ariane

    ResponderExcluir
  4. Andrea, que maravilhoso!!!! Amei!!!!
    Olha, daqui um ano vou me aposentar e vou pedir um emprego para vc.
    É claro que vou precisar continuar trabalhando, não dá para parar.
    Quem sabe não trabalharemos juntas novamente? Seria maravilhoso.
    Mas tem tempo ainda.
    Por enquanto....desejo a vc muitas felicidades. Parabéns e mil beijos.

    ResponderExcluir
  5. Pessoal tô muito feliz com os comentários! Vocês são incriveis viu?
    Acessem o blog diariamente pois sempre tem algo novo!!!
    A Marcella, sócia da Boutique DBb escreve no espaço intitulado "Inicio". Como arquiteta, empresária, estilista e mãe de três filhos ela sempre tem algo muito bacana prá nos indicar! Também tem a coluna da fotográfa Flavia Tojal, as dicas de Shantala da Denise Gurgel, a coluna "Àgua na Boca" da Priscila Nyari e em breve dicas da Odontopediatra, Dra. Vera Claudia para aqueles que tem "Dente de Leite".
    Quarta-feira teremos mais uma entrevista bacana!
    Beijossssss

    ResponderExcluir
  6. Parabéns Andrea!!!Amei!!Muito sucesso sempre!!!Beijoca
    Regina

    ResponderExcluir
  7. Parabéns! Desejo muito sucesso nesta estréia e nas outras entrevistas também. Você merece! Arrasou na foto!!!Beijos

    ResponderExcluir
  8. Parabéns Dé! S U C E S S O !!! S E M P R E !!! Vc merece, Bj.

    ResponderExcluir
  9. Andréa! Vc é realmente muito dinâmica!! Parabéns e muito sucesso! Grande Beijo! Fadia - www.casavalentina.com.br

    ResponderExcluir
  10. ANDREA PARABÉNS........VOCÊ MERECE.......SOU SUA FA DESDE O PRIMEIRO DIA QUE NOS CONHECEMOS!!!!!!!VOCÊ SABE DISSO!!!ALIÁS JÁ DISSE NO FACE,MAS VOU REPETIR:VOU CLONAR VOCÊ!!!!!!!TRABALHADORA,GUERREIRA,CURIOSA COMO TODA PESSOA INTELIGENTE:SEMPRE NA PESQUISA PELO MELHOR DE SI EM SEU TRABALHO!!!!!!!!
    VERA CLÁUDIA!!!!!!!

    ResponderExcluir
  11. Excelente entrevista! Esse blog tá demais! Parabéns a todos os envolvidos!

    ResponderExcluir
  12. Andrea, muito interessante seu blog!
    Vamos até além no que a Mônica fala, algumas marcas fazem somente acima de 2 anos, e algumas fazem somente o feminino.
    Um masculino diferenciado e arrojado tem pouca opção no mercado.
    Vou continuar acompanhando. De maneira geral o blog tem bastante assunto interessante, adorei conhecer!
    Parabéns pelo belo trabalho!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andréa Bulbarelli1 de março de 2012 17:42

      Paula, minha coluna é apenas a de entrevistas! Quem faz o blog acontecer é a Marcella Garcez, sócia da Boutique DBb. Acompanhe mesmo, sempre tem dicas incriveis! Bjs

      Excluir
  13. Parabéns pela entrevista, e pelo conceito do blog!
    Muito conteúdo interessante, vamos seguir de perto!

    ResponderExcluir
  14. Adorei seu blog,vc é demais,tenho orgulho de ser sua amiga bjjjjjjjjjjjjjjjjjj

    ResponderExcluir
  15. Entrevista Maravilhosa Dé!!!!! Parabéns...assim nos ajuda muuuito a estar sempre por dentro de todas as novidades para os nossos pimpolhinhos....bjoos e mais sucessos

    ResponderExcluir
  16. Obrigada a todos pelos comentários...estou amando saber que vocês estão curtindo! Continuem entrando, acompanhando o blog e fazendo comentários....esse feedback é muito importante para o nosso crescimento..
    Beijos
    Equipe dBb

    ResponderExcluir
  17. Andréa!!!

    Parabêns pelas entrevistas, SUCESSO!!!!

    Beijo

    ResponderExcluir
  18. Adorei as duas entrevistas,confecciono acessórios para meninas e vendo pela internet,então adoro este mundo virtual,o blog é lindo,parabéns.

    ResponderExcluir
  19. Sucesso!!!! Você está de parabéns!!!!

    ResponderExcluir
  20. Lilian Casagrande3 de março de 2012 15:49

    Dea Adorei, parabéns!!! Bjssss

    ResponderExcluir
  21. Estou amando as entrevistas ! Parabéns !

    ResponderExcluir
  22. Parabénsss Andrea !!!
    Tbm amooo crianças.
    Bjoo

    ResponderExcluir
  23. Andréa!!!

    Parabêns pela iniciativa da entrevista com o Cacá. Ainda e infelizmente, muitas pessoas enxergam o deficiente como incapaz.

    Enquanto muitos, em perfeitas condições de saúde e eficiência, se auto rotulam "Deficientes", outros assim como o Cacá, nos dão uma lição de vida, mostrando que para viver tudo aquilo que a vida pode nos proporcionar, basta apenas "Querer", cada um com suas limitações, mas a força de vontade de cada um, é ponto inicial para realizar o que se almeja.

    Beijo

    Parabêns

    ResponderExcluir
  24. Nota 10 a entrevista com o Caca! E como ele e lindo!

    ResponderExcluir
  25. Obrigado pela comentarios, gostei perguntar cada...

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Andréa Bulbarelli13 de março de 2012 10:24

      Valeu Cacá! Também adorei te entrevistar! Bjs

      Excluir
  26. Parabens e muito,muito sucesso....vc tem se superado em cada entrevista!!!!Mil beijos.

    ResponderExcluir

O que você achou?